Compota de Maçã e Canela (Outra Receita)





Maçãs a estragarem-se na fruteira e eu sem vinho do Porto, para fazer a receita do costume. Bolas. Quem é que deixa acabar o vinho do Porto??

Tenho a certeza que irei atribuir as culpas ao marido mais tarde ou mais cedo (nunca às minhas compotas), mas de qualquer forma não podia deixá-las estragar-se.

Andei a cuscar nos blogs alheios e acabei por tirar daqui um bocadinho, dali outro, e deu nisto:

Ingredientes
* 900 grs maçãs
* 750 grs açúcar para compotas Sidul
* 1 colher de sobremesa bem cheia de canela
* 150 ml de água
* 1 pau de canela

Descasquei e parti as maçãs aos bocados, pus num tacho e juntei a canela (em pó e o pau) e a água. Deixei ferver em lume brando, até cozer a maçã. Triturei com a varinha mágica e dispus novamente no tacho, vertendo o açúcar. Depois de levantar fervura, foram 10 minutos.

E adivinhem?? Ficou delicioso! :D

posted under | 1 Comments

Gelado de Groselha




Gelados! Calor! Verão!

Cinco minutos na cozinha que se transformaram em mais uns quantos!

Ingredientes
* 100 grs açúcar
* 2 gemas
* 200 ml leite
* 2 pacotes natas
* 150 grs xarope de groselha

Mistura-se o açúcar com as gemas, acrescenta-se o leite e as natas. Misturar bem. Levar ao lume mexendo sempre e durante 10 minutos, em lume brando até engrossar um pouco. Fora do lume juntar a groselha, misturar e levar ao frio.

Levei ao congelador e passado uma hora pus na máquina de gelados durante 30 minutos, tal como a Kika cuja receita fui pedir emprestada :D

posted under | 0 Comments

Bolo Brigadeiro no Microondas





A preguiça para fazer um bolo "à moda antiga" era muita, mas o maridinho queria um miminho. Apre! Como é que se conjuga a preguiça com um bolo???

Usando o bom do microondas, pois claro. E saiu isto.

Ingredientes
* 3 ovos
* 2 dl leite
* 1 lata leite condensado
* 1 chávena de achocolatado (usei Nesquick)
* 1 colher de sopa de margarina
* Pepitas coloridas para polvilhar

Bati tudo na liquidificadora e foi ao forno em forma de silicone (untada) por 7 minutos na potência mais alta. Quando desenformei, ainda tinha um líquido achocolatado que serviu de cobertura, mas por dentro estava bom.

Polvilhei com pepitas coloridas.

Decididamente não aprecio doces feitos no microondas, e este não foi excepção. Mas o marido gostou muito.

(No dia seguinte estava ainda melhor, mais consistente).

Vai uma fatia?


posted under , | 2 Comments

Gelado de Menta




Com o calor infernal que tem feito, sabe sempre bem um geladinho. E então eu, que adoro gelado de menta! Bom, adoro gelado. Enfim, acho que gosto de tudo em geral (menos sopa d'urso; é capaz de ser a única coisa que não me seduz lol).

Numa das minhas passeatas pela baixa de Lisboa, descobri uma garrafeira. Andava à procura de xarope de menta para fazer o meu triplamente adorado gelado de menta (costumo dizer que o meu marido me conquistou com uma taça gigantesca de gelado de menta; congelou-me o cérebro e ainda hoje não descongelou dez anos depois lolol).

Não encontrei xarope mas encontrei licor de menta. E como sou curiosa resolvi comprar e ver como ficava em gelado.

A receita encontrei-a aqui.

Ingredientes
* 2 ovos
* 150 ml leite gordo (usei meio gordo)
* 150 grs açúcar fino
* 400 ml natas
* 100 ml xarope de menta (usei licor de menta)

Bati os ovos com o açúcar até obter uma mistura esbranquiçada, adicionei o leite e o xarope de menta. Bati as natas em chantilly e juntei o preparado anterior. Foi ao frio para refrescar e depois pu-la na máquina durante 30 minutos.

Foi ao congelador mais um bocadinho até à hora de servir.

posted under | 0 Comments

Arroz de Pescada com Delícias do Mar



Há alturas em que nos apetece uma comidinha diferente. Não temos comido tanto peixe como deveríamos, e hoje resolvi compensar essa falha.

Ingredientes
* 200 grs arroz
* 1 cebola
* 4 dentes de alho
* 2 tomates pequenos maduros
* 4 medalhões de pescada
* 8 delícias do mar cortadas aos bocados
* 1 cálice de vinho branco
* 2 knorr de marisco
* 2 colheres de sopa de polpa de tomate
* 400 ml água
* Azeite, sal e coentros q.b.
* 2 malaguetas pequenas

Refoguei a cebola, o alho e o tomate cortado aos pedacinhos pequeninos em azeite; juntei o vinho e deixei apurar. Juntei os caldos knorr, a polpa de tomate e o peixe ainda congelado. Cozi em lume médio-brando, apenas o suficiente para descongelar os medalhões. Retirei o peixe e juntei a água. Deixei levantar fervura, após o que juntei o arroz. Quando o arroz estava quase pronto, juntei o peixe cortado aos bocados e envolvi. Por fim, juntei as delícias, voltei a envolver, rectifiquei os temperos e desliguei o lume. Juntei os coentros e voilá.

Foi preciso juntar mais água durante a cozedura do arroz, e ficou uma delícia!


posted under , | 0 Comments

Lasanha 1, 2, 3





Muito desaparecida, eu sei... há precisamente dois meses sem dar notícias. Mas a vida de vez em quando tem destas coisas, quando pensamos que estamos bem, tudo nos cai em cima. A saúde, que damos como garantida e à qual damos tão pouco valor, escapa-se-nos por entre os dedos. E descobrimos que os heróis da nossa infância, outrora feros e orgulhosos, envelheceram. E que com a velhice, veio a fragilidade. Olhamos em volta, para os nossos pequeninos, e descobrimos que estão a crescer. E que agora somos nós os heróis de uma infância. E não queremos perder esse papel da mesma forma que não queremos perder os nossos próprios heróis.

Tenho-me mantido ocupada com muita coisa ao mesmo tempo, e por isso a cozinha tem ficado reduzida ao essencial. Ao que já cá tenho. A vontade tem sido pouca ou nenhuma para inovar. Lentamente, à medida que o tempo vai passando, vou sentindo a vontade de regressar. Quando iniciei este blog, sabia que o estava a fazer por mim e para mim. Claro que partilho de boa vontade o que  na minha cozinha vou fazendo, mas sem qualquer obrigação excepto a que tenho para comigo e para com os meus.

Deixo aqui uma receita que andava perdida na máquina fotográfica. Fi-la nos meses frios e chuvosos de Inverno, em que o vento assobiava e o frio mordia. Trata-se da Lasanha 1,2,3 da Knorr, comprei uma carteirinha por curiosidade e fiquei fã, fica muito bom.

Ingredientes
* 400 grs carne picada
* 75 grs margarina
* 9 placas de lasanha
* 200 grs natas
* 150 grs queijo ralado

Aqueci o forno a 200º C; fritei a carne em margarina e adicionei 450 ml água fria, tendo misturado o conteúdo da embalagem. Mexi muito bem, até levantar fervura. Cozinhei durante sensivelmente 3 minutos como diz na embalagem.

Numa travessa de forno, alternei o molho com as placas de lasanha (comecei e acabei no molho). Por cima dispus as natas e polvilhei com queijo ralado (o molho estava ainda um pouco líquido, mas é mesmo assim).

Foi ao forno por 25 minutos.

(Nota: dobrei a receita)



posted under , | 1 Comments
Mensagens mais recentes Mensagens antigas Página inicial
Com tecnologia do Blogger.

Mensagens populares

You can replace this text by going to "Layout" and then "Page Elements" section. Edit " About "

Featured Posts

Followers

Contagem de Gulosos!

free web counter

Também estou aqui!

Top blogs de receitas
Ocorreu um erro neste dispositivo

About Me

A minha foto
Lisboa, Lisboa, Portugal
Olá! Sou uma orgulhosa mãe e esposa que descobriu recentemente que adora cozinhar. E lá vou eu para a cozinha fazer asneiras! Quando não estou com a mão na massa, estou a ler, a analisar, a observar. E como toda a gente, tenho a minha opinião.

Morto Para Te Ver

Morto Para Te Ver
Lançamento a dia 10 de Maio, conto convosco!

Traída

Traída
Já à venda! (Clique na imagem para o adquirir)

Premonições

Premonições
Colectânea em que participo com um conto meu. Mais do que um livro, são lições de vida!

    Follow by Email


Recent Comments