Bolo do Halloween (Bolo dos Saquinhos)




Halloween. All hollow's eve. Samhain. Ou simplesmente, nos tempos modernos, a noite das bruxas.

A mim pessoalmente esta tradição importada pouco ou nada diz. Marcava a entrada dos celtas no ano novo, era a noite em que o véu entre os mundos se tornava mais fino e os finados vinham visitar os seus parentes ainda vivos; era o fim das colheitas, o início na parte mais escura do ano.

Como sempre, o tempo e a mistura de culturas trouxeram esta mixórdia a que habitualmente os americanos chamam Halloween e que nos últimos anos atravessou fronteiras. Eu sou do tempo em que íamos ao Pão por Deus, no dia 1 de Novembro (é certo que até ao ano passado era feriado; mas esperemos que as coisas voltem ao normal quando esta gente ganhar juízo, se é que isso vai acontecer), e portanto ter uma série de garotos no dia 31 de Outubro a pedir "gostosura ou travessura" é algo que me faz urticária, sobretudo quando a esmagadora maioria nem sabe o que a expressão quer dizer.

Enfim, por muito que abomine esta destruição da tradição, o meu garoto está a ser criado nesta cultura (?). Por isso, decidi fazer um gostinho com pasta de açúcar, pois ele já me andava a pedir para brincar com as formas, como ele diz.

Para o bolo, fiz o famoso bolo dos saquinhos, mas hei-de fazer novamente com outro pudim porque com pudim de baunilha achei que o sabor se perdia ligeiramente.

Ingredientes
-> Bolo
* 1 saquinho de pudim boca doce (usei baunilha)
* 3 saquinhos de farinha
* 3 saquinhos de açúcar
* 1 saquinho de óleo
* 1 saquinho de leite
* 3 ovos
* 1 colher de chá de fermento
-> Recheio
* 1 pacote de mousse instantanea de chocolate Alsa
* 2,5 dl leite
* Pasta de açúcar a gosto (usei preta, vermelha e amarela)

Bate-se os ovos com o açúcar até fazer bolhas; desfaz-se o pó do pudim em leite e reserva-se; junta-se o óleo à mistura dos ovos e açúcar, e mexe-se muito bem. Verte-se a farinha peneirada com o fermento e volta-se a mexer; junta-se o leite com o pudim dissolvido e mexe-se. Foi ao forno em forma untada e polvilhada por sensivelmente 40 minutos.

(Levei o bolo na minha forma rectangular).

Deixei o bolo arrefecer e desenformei. Na véspera já tinha feito a mousse de acordo com as instruções da embalagem e deixado no frio. Aparei o bolo e cobri generosamente com a mousse. Depois foi só cobrir com a pasta de açúcar.

Ficou muito bom, só lamentei que o bolo tivesse ficado demasiado fino para ser recheado com a mousse; para a próxima faço na forma redonda e corto o bolo ao meio, a mousse de chocolate dá uma cobertura muito boa.

O garoto adorou trabalhar a pasta de açúcar, quis ajudar em tudo (sobretudo em comer a mousse). E adorou o resultado final.

1 comentários:

paty nham nham disse...

nham nham...este até faz acordar os mortos

Enviar um comentário

Olá! Obrigado por virem ao meu cantinho!

Beijinhos!

Mensagem mais recente Mensagem antiga Página inicial
Com tecnologia do Blogger.

Mensagens populares

You can replace this text by going to "Layout" and then "Page Elements" section. Edit " About "

Featured Posts

Followers

Contagem de Gulosos!

free web counter

Também estou aqui!

Top blogs de receitas
Ocorreu um erro neste dispositivo

About Me

A minha foto
Lisboa, Lisboa, Portugal
Olá! Sou uma orgulhosa mãe e esposa que descobriu recentemente que adora cozinhar. E lá vou eu para a cozinha fazer asneiras! Quando não estou com a mão na massa, estou a ler, a analisar, a observar. E como toda a gente, tenho a minha opinião.

Morto Para Te Ver

Morto Para Te Ver
Lançamento a dia 10 de Maio, conto convosco!

Traída

Traída
Já à venda! (Clique na imagem para o adquirir)

Premonições

Premonições
Colectânea em que participo com um conto meu. Mais do que um livro, são lições de vida!

    Follow by Email


Recent Comments